Gres Panaria Portugal cimenta e consolida crescimento económico

2018-04-17

Inovação, estratégia e desenvolvimento são peças-chave na Gres Panaria Portugal, detentora das marcas nacionais Margres e Love Tiles.

 

Esta semana a Gres Panaria Portugal recebeu o Presidente da AICEP, Luis Castro Henriques nas suas instalações em Aveiro. Esta visita surge no âmbito de uma série de visitas que o Presidente da AICEP faz regularmente de Norte a Sul do País com o objetivo de conhecer no terreno a operação das empresas exportadoras e dos principais investidores em Portugal. “O vosso sucesso, o sucesso das empresas, é o sucesso da economia e o sucesso do País. Estamos aqui para vos ouvir, para saber quais as vossas necessidades e perspetivas de futuro. Queremos continuar a apoiar-vos para que possam continuar a investir em Portugal”, afirmou Luís Castro Henriques, durante a visita às instalações da Gres Panaria.

 

Os resultados económicos da Gres Panaria advêm de um forte compromisso, nomeadamente através dos investimentos estratégicos que têm vindo a ser realizados em Portugal, bem como do apoio do Estado Português nesse mesmo processo através da AICEP, colocou o grupo num patamar competitivo e de liderança no mercado nacional. A acrescer a este fator, o desenvolvimento das marcas portuguesas Love Tiles e Margres foi um passo crítico no processo de afirmação da indústria cerâmica portuguesa a nível global. 

 

Desde a sua criação, a Gres Panaria Portugal tem levado a cabo grandes projetos de investimento com vista a desenvolver, produzir e lançar novos revestimentos e pavimentos cerâmicos, envolvendo a instalação pioneira em Portugal de novas tecnologias, nomeadamente ao nível da impressão digital e de prensagem. Deste modo, apresenta tecnologia de vanguarda, garantindo o desenvolvimento de peças inovadoras para o mercado global: “investir era para nós uma necessidade. Só assim conseguiremos continuar a crescer para sermos competitivos internacionalmente”, reforçou Marco Mussini, presidente da administração da Gres Panaria.

 

O último projeto, com o apoio dos fundos do Compete 2020, resultou num investimento de natureza inovadora que totalizou cerca de 7 milhões de euros, foi concluído no estabelecimento da Gres Panaria Portugal em Aveiro, para produção de peças de grande formato em monoporosa pasta branca e em produtos de elevada espessura. Deste modo, o investimento realizado permitiu um aumento da capacidade instalada, nomeadamente por via da aquisição de um novo forno de elevada capacidade e único no panorama nacional. Sobre estes investimentos Marco Mussini finaliza: “face o crescimento dos últimos anos, já não era possível adiar a aquisição de um novo forno e de novos equipamentos pois precisávamos de ter capacidade produtiva suficiente para acompanhar o ritmo das solicitações que os mercados nos impõem”, reiterou Marco Mussini.